Descubra novos sabores!

BLOG ALÉM DA CULINÁRIA

8 dicas para cozinhar de maneira mais amigável à sustentabilidade

  • 16/04/2021
  • Nutrição do dia a dia
  • A- Diminuir
  • A+ Aumentar
  • A Tamanho Original

Cada vez mais precisamos pensar em como ter uma vida mais sustentável. Inclusive na forma de cozinhar. O cenário anda complicado no planeta: ar, rios e oceanos poluídos, excesso de lixo, efeito estufa ameaçando espécies de plantas e animais, meio ambiente degradado, desperdício.

Se todo mundo fizer a sua parte, dá para diminuir o impacto negativo que tudo isso vem causando à natureza, e à vida. É possível contribuir com pequenos gestos. Basta começar. E existem muitas possibilidades de fazer isso na cozinha.

A seguir, veja algumas atitudes que você e a sua família podem adotar para cozinhar de uma maneira mais amigável à sustentabilidade.

Para começar, é importante ter em mente os quatro “Rs” para ser mais sustentável: reduzir, reciclar, reutilizar/reaproveitar e repensar. Vamos nessa?

Planeje as compras

Faça uma lista do que vai precisar e se atenha a ela. De preferência, compre seguindo o cardápio do que pretende preparar para a semana. Isso evita sobras e reduz desperdícios.

Lembre-se ainda de optar por frutas e vegetais da estação. Além de mais em conta, eles são mais saborosos e, por terem sido cultivados no tempo “natural”, têm maior qualidade e um melhor aproveitamento integral do alimento.

Quando possível, prefira comprar a granel. Isso evita o uso de embalagens desnecessárias (dá para reduzir o uso de sacos e sacolas plásticas). Leve seus próprios recipientes, que podem ser aqueles vidros e potes reaproveitados.

Aproveite ao máximo

Talos, cascas e até frutas que estão meio feias podem ser usados. As frutas, por exemplo, rendem ótimas geleias e sucos e ainda podem ser acrescentadas a bolos e tortas. Talos e cascas podem ser incorporados a tortas, sopas e farofas. Veja dicas práticas para repensar o total aproveitamento dos alimentos aqui!

Congele alimentos

Se puder, tire um dia da semana para cozinhar e congele pratos prontos em porções para consumir quando precisar. Isso economiza tempo, dinheiro (porque evita desperdícios) e energia. Na hora de descongelar, faça isso de um dia para o outro, deixando o alimento na geladeira.

Reaproveite sobras

Elas podem se transformar em outras receitas deliciosas. O que sobrou do frango assado pode virar recheio de uma torta.

Até mesmo o que restou do arroz cozido, pode virar bolinho, assim como a carne assada pode ser desfiada e usada em croquetes ou no recheio da abobrinha assada, legumes cozidos também se tornam recheio gostoso de tortas ou panquecas. Viu? Você reaproveita e reduz o desperdício.

Fique de olho na pia

Antes de lavar a louça, deixe-a de molho por alguns minutos. Depois, esfregue (de preferência, com bucha vegetal, que é biodegradável) e enxágue rapidamente. Preste atenção para não deixar a torneira aberta sem necessidade.

Se quiser e puder, invista em uma máquina de lavar louça, que gasta menos água do que lavar na pia. Mas atenção: só ligue o aparelho quando ele estiver cheio.

Separe o lixo

Observe a quantidade de lixo produzido em uma semana. Você vai levar um susto. É muito!

Separe o reciclável e leve-o para os pontos de coleta. Com o orgânico, uma opção é fazer uma composteira doméstica. O descarte pode se tornar um ótimo adubo – para os vasos de casa, para o jardim do prédio ou a praça perto da sua casa.

Separe o óleo de cozinha

Nunca jogue o óleo no ralo da pia nem no lixinho. Ele pode entupir a tubulação, além de contaminar a água dos rios.

Armazene numa garrafa PET ou pote de vidro e leve para pontos de reciclagem ou ONGs que coletam. Esse material pode ser reutilizado para fabricar sabão, por exemplo.

Atenção aos eletrodomésticos

Invista naqueles que têm selo de eficiência de energia. Assim como os eletrônicos, sempre que possível, tire-os da tomada quando não estiverem em uso.

Outra dica: evite abrir a geladeira a todo momento. Pense no que vai usar e fique com a porta aberta o menor tempo possível.

E sempre confira se ela está bem vedada e funcionando bem – um sinal de alerta é quando os alimentos “suam” dentro da geladeira. Esses cuidados poupam energia.

Mudar hábitos não tem nada de complicado, mas requer paciência e persistência. Cozinhar de forma mais sustentável não é difícil e, à medida que for adotando pequenas alterações na rotina, você vai ver como isso não pesa.

Pelo contrário, pode trazer grande satisfação por sentir que está contribuindo com a sustentabilidade. A natureza agradece!

6 receitas para cozinhar de forma mais sustentável

feijoada de legumes e talosFeijoada de Legumes e Talos: uma boa saída para aproveitar integralmente os legumes, inclusive as folhas e talos que muitas vezes são descartados. Aqui, eles viram ingrediente para um capricho extra na feijoada. Ela fica ainda mais gostosa com AJI-NO-MOTO®, que realça o sabor dos alimentos.

Salada de Entrecasca de Melancia: outra ideia para reduzir o desperdício e reaproveitar ao máximo os alimentos. Aqui, a entrecasca, que é a parte branca da casca da melancia, vira um ingrediente que combina perfeitamente com a crocância de outros que vão na receita, como repolho e cenoura ralados. O sabor especial fica por conta do Tempero SAZÓN® Toque de Limão.

Quiche de Folhas e Talos de Alho-Poró: Não tem por que jogar fora se dá para aproveitar. Nesta receita, folhas – que geralmente são descartadas – e talos viram um recheio delicioso de quiche. Ele fica ainda mais gostoso com Tempero SAZÓN® Amarelo, ideal para incrementar o sabor dos legumes.

Torta de Liquidificador na Marmita: uma opção para fazer e congelar, e que funciona super bem naquele momento em que você quer tirar algo do freezer e saborear um prato gostoso rapidamente. O recheio fica uma delícia com o Tempero SAZÓN® Verde, que ajuda a dar sabor ao frango.

Escondidinho de Carne Moída: esta é uma receita que você pode preparar e congelar. Assim, quando precisar, terá um prato muito gostoso prontinho! O purê do escondidinho fica delicioso com Tempero SAZÓN® Amarelo, que dá mais sabor à mandioquinha.

Bolo de Casca de Abóbora e Mid® de Laranja: não ao desperdício! Dá para aproveitar tudo da abóbora, inclusive a casca. Aqui, ela vira ingrediente do bolo. O toque especial é a calda que leva MID® Laranja, que deixa a massa deliciosa e molhadinha.

Agora que você viu exemplos deliciosos de como reaproveitar e repensar a cozinha para ela ser mais sustentável, antes de jogar qualquer ingrediente fora, reflita se ele não pode se transformar em outra receita. Vale sempre tentar!

Izabel Alves

Especialista em Alimentos

Dúvidas sobre alguma receita? Entre em contato

Fale Conosco