• Home
  • Cardápio Semanal
  • Vídeos
  • Coleções de Receitas
  • Blog
  • Revistas e Livros
  • Política de Nutrição
  • Produtos
  • Descubra novos sabores!

    Encontre mais de 3 mil receitas, testadas e aprovadas por especialistas

    BLOG ALÉM DA CULINÁRIA

    Restrições alimentares: como manter o cardápio saboroso

    • A- Diminuir
    • A+ Aumentar
    • A Tamanho Original
    Se você é uma dessas pessoas que quando sai de casa sofre com restrições alimentares, você não está sozinho. Intolerâncias alimentares, diabetes e hipertensão são apenas alguns dos causadores das mudanças no cardápio. 
     
    Mas, atenção: isso não precisa significar menos sabor nas suas refeições. Há muitos alimentos semelhantes ao paladar, mesmo sendo completamente diferentes. A restrição alimentar já pode ser driblada com pequenas mudanças que você nem imagina. 
     
    Intolerância à lactose
     
    Você sabia que no preparo de uma torta de liquidificador, por exemplo, você pode substituir o leite por uma cenoura? E em um bolo, por uma maçã ou uma laranja? Esta substituição de alimentos é favorável aos intolerantes à lactose e ainda deixa a dieta alimentar mais nutritiva. Alguns outros nutrientes importantes do leite podem ser encontrados em vegetais verde-escuros, como a couve e os brócolis, que além de conterem cálcio são antioxidantes.
     
    Intolerância ao glúten 
     
    Aos intolerantes ao glúten, as substituições de alimentos são mais difíceis, já que esta proteína está presente em muitos alimentos cotidianos (trigo, centeio, aveia, cevada e malte). Porém, nada está perdido... Estes alimentos podem ser substituídos por receitas à base de: tapioca, farinha de milho, farinha de arroz e farinha de mandioca, por exemplo.
     
    Hoje em dia já existem diversas receitas que substituem a base de trigo por ingredientes sem glúten, e também vários produtos livres deste ingrediente estão à venda no mercado, como o macarrão à base de linhaça, farinha de milho, soja, ou então os pães à base de farinha de arroz, polvilho etc.
     
    Diabetes
     
    Para os diabéticos que não conseguem se adaptar e ficar sem doces, já existem diversas possibilidades de substituições. O aspartame, a sacarina e a sucralose são alguns dos adoçantes de mesa que podem ser ingeridos pelos diabéticos. Também é possível utilizar algumas frutas secas para adoçar receitas, como as passas, o damasco e a tâmara. Desta forma, as receitas já são adoçadas sem mesmo precisar do açúcar ou de adoçantes.
     
    Hipertensão
     
    Já para quem tem problema com o sal, é possível substituí-lo adicionando outros condimentos aos alimentos que poderão “mascarar” a falta do sal. A cebola, o alho, a pimenta e a salsa são apenas alguns dos temperos que podem ser utilizados para manter o sabor da refeição, mesmo diminuindo o consumo de sal. Outro aliado é o Aji-no-moto® (glutamato monossódico) que, por ser um realçador de sabor que traz consigo o gosto Umami, deixa as preparações mais saborosas, podendo reduzir o sal das receitas.
     
    Mais importante que cortar alguns alimentos do cardápio é substituí-los, encontrando novas formas de consumir os mesmos nutrientes. E o mais importante: isso tudo sem perder o prazer pela comida.
     

    Priscila Andrade

    Especialista em Alimentos

    Comentários

    0 Comentários

    Faça o login para comentar

    VOCÊ TAMBÉM PODE GOSTAR

    Veja mais